SAP é líder do mercado. Foto: Divulgação.

O mercado de Businesse Intelligence (BI) e de sistemas de gestão corporativa (CPM, na sigla em inglês) recebeu US$ 14,4 bilhões no mundo em 2013.

O índice representa aumento de 8% em relação aos US$ 13,3 bilhões gerados em 2012, segundo relatório da Gartner

A SAP continua a solidificar a sua liderança no mercado de BI e analytics, conquistando US$ 3,1 bilhões em receita em 2013, crescendo 5,3% em relação a 2012. 

A Oracle foi a segunda que mais faturou, com US$ 1,9 bilhões em vendas em 2013, o que representa um aumento de 2,1% frente aos números de 2012.

A SAP obteve 21% do market share no ano passado, seguida pela Oracle, com 14%.

A terceira do ranking é a IBM, com 13% de participação no mercado. Depois está a SAS, com 12%. A Microsoft é a última das cinco maiores empresas do segmento, ficando com 9% do market share.

As quatro primeiras empresas da lista cresceram mais lentamente do que a média do mercado, de acordo com o relatório.

Para a consultoria, entre os motivos que contribuíram para o baixo crescimento do mercado está o fato de nenhuma região do mundo ter crescido mais do que 12% no ano passado. 

Isso acaba com a ideia de estratégia pensada por muitas corporações, que acreditam que os mercados emergentes estejam crescendo num ritmo muito mais rápido.

Para a Forbes, outro motivo é a confusão que ainda existe sobre como melhor alavancar a análise de dados com big data. Muitos dos investimentos em big data foram feitos fora do BI tradicional, usando em silos, infraestruturas e serviços experimentais.

No primeiro trimestre de 2014 a líder SAP divulgou que sua receita global de software e serviços relacionados teve um aumento de 9% em relação ao mesmo período do ano passado, o que contraria o relatório.