Univates conta com Wi-Fi em todos os seus campus. Foto: divulgação.

A Univates atualizou sua rede Wi-Fi, quadruplicando os pontos de acesso nos dois campi – Lajeado e Encantado –, em parceria com a gaúcha InfraTI. O investimento foi de R$ 200 mil.

Com as mudanças, a universidade reforça a cobertura sem fio com link de 54 Mbps, e eleva os pontos de acesso de 50 para mais de 200.

WI-FI PRA TODOS
A decisão de oferecer Wi-Fi à comunidade acadêmica foi tomada em 2008, conta Cândido Fonseca da Silva, encarregado da TI da instituição.

Na ocasião, a Câmara de TI da Univates – um conselho que reúne representantes da instituição – optou por criar um projeto com 50 pontos de acesso para a comunidade acadêmica, já cobrindo toda a área construída dos dois campi.

Em 2008, o projeto tinha tecnologia da Enterasys, com implementação da universidade e de uma empresa local.

“Não temos queixa da tecnologia escolhida na primeira licitação pela universidade. O que aconteceu foi a expansão do “bring your own device”, que traz do iPhone ao xing-ling ao campus. E a gente tem que dar suporte a todos”, esclarece Silva.

INFRATI NA JOGADA
No final de 2011, quando a Univates estava começando a fazer o upgrade, a InfraTI se ofereceu para ajudar, apresentando uma proposta em 10 dias.

Augusto Bueno, um dos sócios da InfraTI, relembra que, 90 dias depois da primeira reunião, a implementação estava feita.

Foram usados equipamentos Cisco – a InfraTI é parceira Premium da fabricante, e está pleiteando o nível Silver para o primeiro trimestre de 2013.

“Ajudamos não só no reforço, mas no monitoramento da rede como um todo. Agora eles têm uma visão plena do que está acontecendo com os acessos nos campi”, diz Bueno.

A estrutura atual pode ser ampliada para até 1.000 pontos de acesso sem necessidade de novos aportes na infraestrutura.

ENTERASYS SEGUE
Apesar da nova tecnologia, o diretor de TI da Univates diz que os equipamentos da Enterasys, nos quais a instituição investiu R$ 100 mil em 2008, não foram desativados.

Eles estão sendo utilizados em novas demandas acadêmicas, como laboratórios conectados.

Hoje, a universidade tem 179 laboratórios, salas especiais e museus.

TI NA UNIVATES
Na Univates, são dois anéis redundantes de fibra, um de 20 quilômetros e outro de 10 quilômetros, monitorados por membros de uma equipe de 18 pessoas, divididas entre infraestrutura, suporte e desenvolvimento, e que trabalham com o apoio de parceiros confiáveis.

“São empresas com as quais nós já temos uma relação e sabemos que podemos contar com o suporte deles”, diz Silva. Entre elas estão a própria InfraTI, e outras como Microsiga e Solis.

A UNIVATES
A Univates tem 60,4 mil m2 de área construída, sendo 57,3 mil m2 em Lajeado e 3,1 mil m2 em Encantado. São 12 mil alunos entre cursos de  graduação, sequenciais, superior de tecnologia, técnicos, extensão e pós-graduação. Pela universidade ainda passam 562 e 456 professores.

No total, são quase 280 cursos oferecidos.

INFRATI
Empresa com cinco anos de existência, a InfraTI tem na carteira de clientes, além da Univates, clientes como Herval, Paquetá, Unimed Porto Alegre e Grupo RBS.

A empresa possui oito técnicos certificados na tecnologia Cisco e tem dobrado o faturamento ano a ano desde a sua fundação.