E-COMMERCE

Abril compra 51% do Meu Espelho

30/10/2013 11:40

O investimento reforça a presença digital do grupo no e-commerce.

Site vende cosméticos e produtos de beleza. Foto: flickr.com/photos/nikon-icon.

Tamanho da fonte: -A+A

O Grupo Abril entrou no setor de e-commerce ao se tornar sócio majoritário, com a aquisição de 51%, do Meu Espelho, site de venda de cosméticos e produtos de beleza.

O portal, lançado há dois anos, seguirá no comando das criadoras e sócias Bianca Latgé e Renata Merquior, ambas ex-funcionárias da área do marketing da L'Oréal. 

Bianca trabalhou por oito anos como gerente da marca Lancôme. Antes da marca, Renata também trabalhou como trade marketing na Souza Cruz.

O investimento reforça a presença digital do Grupo, que opera o Brasil Post, versão nacional do site Huffington Post, e a Loja Abril. Dessa forma, o Meu Espelho terá apoio de mídia nas 49 revistas da editora para divulgação das ofertas do e-commerce.

As estratégias já começam a ser pensadas para o período do Natal, em que tem o maior número de vendas anualmente no portal. 

Com circulação de 184 milhões de exemplares por ano, as revistas do Grupo fecharam 2012 com uma base de 4,7 bilhões de assinantes. 

Na área de novos negócios digitais, os visitantes únicos dos sites do grupo chegaram a 59 milhões de internautas no ano passado. São 90 apps para tablets e smartphones, 29 versões de revistas para tablets e gerenciamento de 40 sites em diferentes segmentos. 

Em 2012, a receita líquida foi de R$ 2,98 bilhões e o faturamento com publicidade respondeu por 34,5% desse montante: R$ 1,03 bilhão. 

O Grupo Abril não é o primeiro da área de comunicação a fazer esse tipo de aquisição. O Grupo RBS comprou em maio de 2012 uma participação no site de venda de vinhos Wine e em agosto, também do ano passado, no e-commerce de moda Lets

O hábito de compra em e-commerce atraiu 61% dos internautas brasileiros no primeiro semestre de 2013 segundo o Ibope. 

Veja também

OLHADELA
E-commerce vende um produto só por dia

Startup já tem 200 mil clientes e em 2013 almeja atingir 900 mil. Modelo é oferecer um produto por dia, em três categorias: casa, gourmet e estilo.

E-COMMERCE
Natura: um vendedor, um site

Líder na venda de cosméticos no Brasil está redesenhando a sua estratégia comercial para colocar o e-commerce no centro das atenções.

PESQUISA PAYPAL
Brasil torra R$ 1,3 bi no e-commerce dos EUA

Por outro lado, ao todo, até o final deste ano, serão mais de 88 milhões de estrangeiros consumindo em portais brasileiros, movimentando R$ 1,5 bilhão.

FORTE NO FACEBOOK
MyGloss: e-commerce com Magoweb

Franquia de moda investe R$ 1 milhão em e-commerce desenvolvido pela gaúcha Magoweb.

YOUTUBE
Cadastra gere canal de beleza da L'Oreal

A gaúcha Cadastra gerencia o Youtube Beleza, canal criado em parceria pelo Google e L'Oreal com dicas sobre cabelos, maquiagem e unhas.

PRIMEIRO SEMESTRE
E-commerce atrai 61% dos brasileiros

Setores que mais venderam foram cultura com, e informática, vestuário e calçados.

MODA E DESIGN
Hookit: rede paga usuários por indicações

A plataforma expõe as marcas e conta com a indicação dos usuários em troca de comissões sobre vendas.