Marcelo Pagotti, secretário de Tecnologia da Informação. Foto: Divulgação.

Marcelo Pagotti foi nomeado nesta terça-feira, 31, como novo secretário de Tecnologia da Informação (STI) do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão

Pagotti atua há mais de 20 anos na área de TI do governo federal, mais especificamente no Banco do Brasil, órgão em que é servidor de carreira.

Nos últimos cinco anos, o executivo atuou em Nova Iorque, onde foi gerente de operações de TI para as unidades do Banco do Brasil localizadas na América do Norte.

Natural de Pedreira, interior de São Paulo, o novo secretário tem formação em tecnologia da informação e MBA concedido pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. 

Na STI, a simplificação dos serviços públicos para o cidadão é a principal meta de Pagotti. 

“Não existe a necessidade de um jovem, idoso ou uma pessoa com deficiência ir a uma agência governamental para obter a cópia de um documento ou uma declaração”, afirma.

Na semana passada, outra executiva com passagem pelo Banco do Brasil assumiu um cargo ligado aos ministérios do governo federal. Glória Guimarães assumiu como nova diretora-presidente do Serpro, estatal federal de processamento de dados ligada ao Ministério da Fazenda.

Antes de chegar à direção do Serpro, Glória chegou a ocupar a superintendência da empresa. Ela também passou pelo cargo de vice-presidente de clientes e operações dos Correios, depois de atuar como executiva área de tecnologia do Banco do Brasil e secretária de tecnologia da informação do Ministério do Planejamento.