Júlio Mila, CEO da T4Agro. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A T4Agro, incubadora e aceleradora de startups dedicadas ao agronegócio nascida na UISA, contratou a Solo Network, uma das maiores integradoras de TI do país, para auxiliar na criação do Fastpoint, aplicativo de controle de ponto por meio de inteligência artificial e machine learning da Microsoft Azure.

Inicialmente desenvolvida para atender a UISA, indústria brasileira de energia, etanol e açúcar, a solução foi concebida para 2,3 mil trabalhadores que, até então, precisavam registrar seus horários de entrada, pausas e saída por meio de mais de 200 relógios de ponto distribuídos pelo campo.

Segundo a empresa, cada um destes equipamentos gerava um alto custo de aquisição, demandava manutenção periódica e precisava ser trocado a cada cinco anos.

No novo sistema, o colaborador tira uma selfie para ser reconhecido pela IA da Microsoft, com um grau de assertividade de 99,8%. Por meio do GPS do aparelho, o app confirma que ele está em seu local de trabalho, registrando o horário de entrada. 

O mesmo processo é feito no momento da saída e retorno do almoço, bem como no encerramento da jornada do colaborador. 

Se não houver conexão à rede no momento da foto, a informação fica guardada e é enviada à base assim que houver acesso. As informações são transferidas automaticamente ao software de gestão e atualizadas na folha de pagamento.

Com o Fastpoint, a estimativa da UISA é de que a empresa economize cerca de R$ 1 milhão por ano.

Na pandemia, a T4Agro enxergou o cenário perfeito para o lançamento da solução para o mercado, transformando a startup Fastpoint na sua primeira investida. 

“A estratégia que adotamos é oferecer o produto a um valor muito competitivo, para ganharmos mercado rapidamente. A expectativa é de que a startup encerre seu primeiro ano de atividade atendendo cerca de 25 mil funcionários em diferentes clientes”, projeta Júlio Mila, CEO da T4Agro.

A Solo Network, que apoiou a UISA e a recém surgida incubadora desde a concepção da solução, agora está trabalhando na disseminação do produto, principalmente em relação à evolução contínua, suporte técnico e capacitação da equipe.

“Temos tornado a tecnologia ainda mais robusta com apoio dos recursos do Azure. A equipe comercial da Solo Network está nos ajudando a melhorar nosso processo de comercialização e negociação, tornando o produto e nosso discurso de vendas cada vez mais competitivo”, explica Mila.

A empresa também foi convidada a estrear o Solo Cloud Code, o programa de apoio da Solo Network para ISVs, e as duas traçaram juntas um plano de crescimento para o negócio.

“A parceria com a T4Agro, coloca em evidência o compromisso da Solo com o planejamento e execução de projetos personalizados para cada cliente, levando em conta o seu modelo de negócio e cultura organizacional”, afirma Max Camargo, CEO da Solo Network.

Desde 2002 no mercado brasileiro, a Solo Network é parceira de marcas como Microsoft, Kaspersky, Adobe, Autodesk, Huawei e Lenovo. A companhia tem 5 mil clientes ativos e operações em Curitiba, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília e Salvador.

Já a T4Agro é uma incubadora, aceleradora e investidora de startups com sede em Nova Olímpia, a cerca de 200 quilômetros de Cuiabá. Entre as empresas do seu ecossistema, estão Vert, DuAgro, Hyperspace, Spinelli Advogados e Investment One Partners.

Fundada em 1980, a UISA é uma das maiores produtoras de etanol e açúcar do Brasil, dona de uma área de 90 mil hectares, dos quais 34,2 mil estão ocupados com plantações de cana.