Diebold: 2 mil ATMs para Santander Brasil

01/11/2011 11:06

A Diebold Brasil fechou um contrato com o Banco Santander para entrega de dois mil caixas eletrônicos modelo 4500.

Os novos equipamentos serão utilizados para expandir a rede de autoatendimento do banco no Brasil, que hoje conta com 18,3 mil máquinas em funcionamento.

Tamanho da fonte: -A+A

A Diebold Brasil fechou um contrato com o Banco Santander para entrega de dois mil caixas eletrônicos modelo 4500.

Os novos equipamentos serão utilizados para expandir a rede de autoatendimento do banco no Brasil, que hoje conta com 18,3 mil máquinas em funcionamento.

Segundo João Abud Junior, presidente da Diebold no país, o processo de avaliação e certificação de fornecedores do Santander é rigoroso e feito por meio de testes aplicados por diferentes áreas do banco, como produção, segurança e infraestrutura.

“Tudo é coordenado pela Produban, empresa pertencente ao Grupo Santander”, conta o executivo.

Conforme dados divulgados pelo próprio grupo, o Santander é o terceiro maior banco privado do Brasil em ativos totais - R$ 407 bilhões em junho de 2011 -, com mais de nove milhões de contas correntes ativas e cerca de 24 milhões de clientes na carteira.

O banco também disponibiliza, no país uma rede formada por mais de 3,7 mil agências e PABs, além do parque de ATMs.

Globalmente, o Grupo Santander tem sede em Madri, Espanha, e em junho de 2011 encerrou com 14.679 agências, em torno de 191 mil funcionários e mais de 100 milhões de clientes.

Já a Diebold Brasil tem, conforme Abud Júnior, cerca de 60% de market share no segmento local de autoatendimento bancário.

A companhia, eleita este ano, pela quarta vez, como a melhor do Brasil no segmento Indústria Digital, pelo ranking Melhores e Maiores da Revista Exame, pertence à Diebold, Incorporated, que tem matriz em Canton, EUA, e emprega cerca de 16 mil funcionários em 90 países.

No Brasil, a sede fica em São Paulo.

Ao todo, a operação local da Diebold conta com 3,2 mil colaboradores, atuando não apenas em automação bancária, mas também para os segmentos de indústria, comércio, governo, saúde e utilities.

A companhia foi a responsável, por exemplo, pela fabricação das urnas eletrônicas utilizadas nas eleições de 1998, 2000, 2004, 2006, 2008 e 2010 no país.
 

Veja também

Diebold: ATM tablet e outras novidades

A Diebold Brasil anuncia uma série de lançamentos, entre eles uma ATM-Conceito, um terminal de caixa no formato tablet e um novo modelo de correspondente bancário focado no mercado latino.

O primeiro, batizado de ATM Wall, é um caixa eletrônico com parede formada por displays multitoque, que se acende quando um usuário se aproxima e apresenta uma interface que mais lembra um iPad ou iPhone.

Diebold: software, hardware e serviço à saúde

A Diebold Brasil, que, segundo dados próprios, lidera o mercado de automação bancária no país, fabricando 100% das urnas eletrônicas usadas no país,apresenta lançamentos focados na vertical de saúde, em que passou a concentrar esforços há cerca de dois anos.

Diebold: 30% menos custos com bakcup com CA

A Diebold, especializada em sistemas de auto-atendimento integrados, adotou soluções da CA, em modelo on demand, para expandir a segurança e disponibilidade de seus dados.

Diebold: novo comando em marketing e vendas
A Diebold Brasil promoveu na quarta-feira, dia 26, Carlo Benedetto para a Diretoria de Marketing e Vendas.
 
O executivo que exercia o cargo de diretor de contas e comandava equipe de atendimento dos bancos HSBC e Nossa Caixa, assume agora um time de 30 profissionais, parte deles dedicados à área de novos negócios.
 
Diebold: R$ 143 mi em novas urnas para TSE

A Diebold Brasil, especializada em automação bancária, recebeu pedido adicional do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para fabricação de novo lote de urnas eletrônicas, elevando o volume contratado em janeiro de 2010 de 250 mil para 312 mil.

O valor do contrato é de R$ 143 milhões.

TSE amplia compra de urnas eletrônicas Diebold

A Diebold anunciou nesta terça-feira, 21, que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aumentou o contrato de urnas eletrônicas de votação com sua unidade brasileira, a Procomp.
 
O aumento do contrato eleva o volume de urnas que o TSE poderá comprar de 250 mil para 312,5 mil.

Ainda segundo o comunicado da companhia, o tribunal também encomendou um volume adicional de 117,5 mil terminais de votação à Procomp.

Diebold: 2 mil caixas eletrônicos revitalizados

A Diebold Brasil, anunciou nessa terça-feira, 23, a oferta de revitalização de caixas eletrônicos bancários (ATMs). A solução inclui restauração e descarte ecologicamente correto.

Segundo a empresa, cerca de 2 mil terminais de autoatendimento foram revitalizados pela empresa, e outras 5 mil restaurações estão contratadas.

Diebold: 2,5 mil servidores para Banco do Brasil

A Diebold Brasil vai fornecer 2,5 mil servidores para o Banco do Brasil.

O contrato - que soma aproximadamente R$ 8.993 milhões - foi fechado através de pregão eletrônico na modalidade de registro de preço, no qual a Diebold concorreu com Dell, HP e IBM.

Diebold ganha R$ 238 milhões com urnas

A empresa norte-americana Diebold teve um ganho de R$ 238 milhões com o fornecimento de urnas para o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para o pleito desse domingo, 03. Metade dos equipamentos usados pelos eleitores foram da Diebold. Cada uma delas custa cerca de R$ 1 mil.

Segundo a empresa, foram fornecidas cerca de 250 mil urnas, produzidas em quatro meses, atingindo um pico de produção de duas mil máquinas por dia na fábrica de Santa Rita do Sapucaí, em Minas Gerais.

Dimep integra Diebold a relógios de ponto

A Dimep, especializada em sistemas de ponto eletrônico e controle de acesso de pessoas e veículos com 65% de market share no país, acaba de fechar negócio com a Diebold para integrar impressoras térmicas aos seus relógios de ponto.

O pedido inicial inclui 11 mil impressoras, mas até final de agosto deverão ser 30 mil unidades.

Diebold foca automação comercial

A Diebold Brasil, companhia que detém cerca de 60% do mercado de automação bancária do país, lança uma linha de soluções para automação comercial, com impressoras, servidores, terminais web e PCs para ponto de vendas.

De acordo com Juarez Sant’Anna, vice-presidente de marketing e vendas da Diebold, a companhia vem ampliando sua linha de produtos para o varejo e pretende utilizar sua estrutura de assistência técnica para prover serviços em nível nacional.

Diebold: 250 mil urnas eletrônicas
A Diebold Brasil, especializada em automação bancária, acaba de vencer a oitava licitação de urnas eletrônicas do TSE - Tribunal Superior Eleitoral para fabricação das urnas eletrônicas modelo 2009.

A concorrência prevê a encomenda de até 250 mil urnas, sendo que o primeiro pedido já foi feito para a produção de 165 mil e deve ser entregue entre abril e agosto.
Desafio Santander-SAS dará prêmio R$ 4 mil

O banco Santander e o SAS, solução para o mercado de serviços de inteligência analítica, promovem o Desafio Santander-SAS, que consiste em resolver um problema de negócio relacionado à rotina do banco, por meio das soluções analíticas do SAS e de técnicas estatísticas.

Na ocasião, os estudantes serão avaliados segundo o método de análise do problema, resultados alcançados e apresentação da solução.

Santander compra cadastro da Telefonica na AL

O Santander comprou a base de dados dos clientes da Telefônica no Brasil e outros países da América Latina por  38 milhões de euros.

Ex-Itaú e Santander assume TI da CBSS

A CBSS, administradora de cartões Visa Vale, está sob novo comando na TI: Pedro Paulo Cunha acaba de assumir como diretor-executivo do setor na companhia.

O executivo traz para a empresa vários anos de experiência em empresas do segmento financeiro: no currículo, Cunha soma passagens por companhias como Itaú Unibanco, HSBC, Santander e Deutsche Banck.

Santander: site expõe dados de universitários

Uma falha no site do banco Santander deixou dados pessoais de 127 universitários expostos.

Segundo o blog Radar Tecnológico, pertencente ao Estadão, o banco mantém desprotegido no domínio do site Santander Universidades, informações que datam de 24 de junho de 2010 a 20 de junho de 2011.

Santander, o 1o banco na nuvem

O Santander acaba de se tornar o primeiro banco do país a aderir oficialmente à cloud computing.

A IBM Brasil vai realizar para o banco um projeto piloto de serviços de IaaS e PaaSl, em uma implementação que contará com parceria da Produban, empresa pertencente ao mesmo grupo da instituição financeira espanhola para provimento de infraestrutura de TI e processamento de dados.

O projeto iniciou em agosto do ano passado, com a primeira fase encerrada em um mês.

Santander Brasil: datacenter no Oracle Exadata

O Banco Santander escolheu o Oracle Exadata Database Machine para consolidar os servidores de seu datacenter, resolvendo um problema de convergência de dados após a aquisição do Banco Real.

Com a compra, aumentou não só o volume de dados da instituição, mas também as demandas de processamento e de espaço físico, segundo Manoel Arthur Vaz, superintendente executivo do Produban, divisão de serviços do Santander.