Levantamento da consultoria IHS iSuppli indica que a demanda por DRAM para tablets deverá crescer nove vezes em 2011, o que levará ao consumo de 333,7 milhões de gigabits até o final do ano.

No ano passado, foram consumidos 37,3 milhões de gigabits, segundo a iSuppli.

De acordo com a empresa, a explosão de vendas do iPad, da Apple, e a chegada de um maior número de tablets de outros fabricantes, são os responsáveis pela expansão.

A iSuppli espera que a demanda se mantenha aquecida em 2012, quando deve saltar 229%, mais de três vezes, atingindo um total de 1,1 bilhão de gigabits.

Já em 2015, projeta a iSuppli, o volume de memórias DRAM vendidas para tablets alcançará 5,8 bilhões de gigabits, o que representa crescimento de 16 vezes na comparação com este ano.