A unidade da Celestica em Hortolândia

Tamanho da fonte: -A+A

A chinesa ZTE comprou a fábrica da Celestica, em Hortolândia, interior de São Paulo, que estava fechada desde meados de 2009, quando a empresa encerrou suas operações no Brasil.

Os valores do negócio, no entanto, não foram revelados, segundo o TI Inside.

Fechado há um mês, o negócio pode ser considerado o primeiro passo da atuação local da fornecedora de equipamento de telecom e um reforço no projeto de se tornar a quinta maior fornecedora de aparelhos celulares do mercado brasileiro.

Além disso, a ZTE se beneficia dos recentes incentivos que o governo tem oferecido a fabricantes de equipamentos eletrônicos para produção no Brasil, entre eles, a isenção de PIS/Cofins.

Leia a matéria completa do TI Inside nos links relacionados abaixo.