Tamanho da fonte: -A+A

Pronta para ir às compras, a Itautec, controlada pela Itaúsa, está disposta a elevar o seu nível de endividamento de 40,7% em relação ao patrimônio líquido para 75%, saindo de um endividamento de R$ 209,2 milhões para R$ 385,5 milhões.

Em recursos próprios, a Itautec está disposta a investir em torno de R$ 180 milhões, informa o Valor Econômico nessa quarta-feira, 16.

“Aquisição faz parte das avaliações diárias da empresa”, afirmou o presidente-executivo da companhia, Mario Anseloni Neto, ao jornal.

Segundo Anseloni Neto, não há negociação avançada, mas nacionais e estrangeiras são avaliadas.

A Itautec tem três áreas de negócios: computação, serviços de tecnologia e automação. Esta última foi a área que mais cresceu em 2010 - 60% em receita, , passando a representar 30% do faturamento da companhia.

A expedição de terminais de autoatendimento bancário (ATM) cresceu 58,4% no ano passado, para 12,2 mil unidades. Conforme o Valor, essa é a única área que gera exportações.

A empresa exporta ATMs para 40 países, e essas vendas correspondem a 6% da receita total. Segundo Anseloni, a companhia tem como meta reforçar a atuação nos Estados Unidos, México e Europa.

Em 2010, a Itautec encerrou o ano com lucro líquido de R$ 12 milhões, ante R$ 51 milhões no ano anterior.

Leia a reportagem do Valor Econômico nos links relacionados abaixo (para assinantes).