Eike Batista: fábrica da Foxconn será em MG

17/02/2012 14:11

A nova fábrica da Foxconn no Brasil ficará em Minas Gerais.

A afirmação é do empresário Eike Batista, sócio do empreendimento no país, que fez o anúncio na quinta-feira, 16.

Conforme Batista, o investimento previsto para a unidade é de US$ 12 bilhões.

A planta será destinada à produção de telas touch screen para aparelhos da Apple (iPad e iPhone) e outras marcas.

Tamanho da fonte: -A+A

A nova fábrica da Foxconn no Brasil ficará em Minas Gerais.

A afirmação é do empresário Eike Batista, sócio do empreendimento no país, que fez o anúncio na quinta-feira, 16.

Conforme Batista, o investimento previsto para a unidade é de US$ 12 bilhões.

A planta será destinada à produção de telas touch screen para aparelhos da Apple (iPad e iPhone) e outras marcas.

Na disputa pela fábrica, Minas venceu o Rio de Janeiro, segundo Batista, que não deu mais detalhes sobre o assunto.

Até o momento, a Foxconn não confirmou o investimento e o governo de Minas Gerais afirmou que não comentaria o caso.

Batista, porém, é enfático: apesar de não revelar a cidade de instalação da fábrica, o empresário garante que os brasileiros terão uma fatia de 60% no negócio.

Do investimento nacional, o empresário entrará com US$ 500 milhões. O restante virá do BNDES, que deverá injetar até US$ 1,2 bilhão.
 

Veja também

Eike entra na parceria com a Foxconn

Eike Batista vai entrar na sociedade com a Foxconn para viabilizar a fabricação do iPad no Brasil, só não tão cedo.

Investimento prometido de US$ 12 bilhões em maio, e sob avaliação desconfiada pelo BNDES no segundo semestre, o negócio ainda tem espaço para mais sócios, e se dividirá em três etapas.

Foxconn pode parar produção em Jundiaí

Duas semanas após receber liberação do governo federal para fabricar equipamentos da Apple em uma fábrica de Jundiaí, a chinesa Foxconn pode encerrar a produção no local, segundo matéria do Valor Econômico.

Conforme o jornal, funcionários da unidade afirmam que a produção será interrompida a partir da segunda-feira, 20, mas que os motivos não foram divulgados.

Hackers vazam dados confidenciais da Foxconn

Hackers de um grupo autodenominado “SwaggSec” invadiram os computadores da chinesa Foxconn, roubaram e divulgaram na web dados confidenciais, como nomes de usuário e senhas de atendimento de clientes da companhia.

As informações podem, por exemplo, ser usadas para enviar pedidos à Foxconn, informa uma matéria do IDG Now.

Contatos dos diretores de vendas da Foxconn, números de IP e uma lista com os e-mails e compras de seus clientes também vazaram.

Foxconn negocia mais 5 fábricas no Brasil

A taiwanesa Foxconn deverá instalar outras cinco fábricas no Brasil, além da já anunciada unidade para fabricação de telas de cristal líquido, segundo informação da Folha.com.

O jornal online cita como fonte o secretário de Planejamento e Desenvolvimento do estado de São Paulo, Julio Semeghini.

Foxconn + Eike + Semp + Positivo = iPad

O iPad montado no Brasil está mais próximo.

Após quase um ano do anúncio de investimento de US$ 12 bilhões da chinesa Foxconn para montar uma linha de produção do tablet da Apple em solo brasileiro, os indispensáveis sócios do empreendimento se definiram.

São eles Semp Toshiba, Positivo e o empresário Eike Batista, unidos com a Foxconn.

Foxconn aumentará produção na China

Enquanto os US$ 12 bilhões em investimentos da Foxconn no Brasil prometidos no meio do ano não avançam, a montadora de iPads e iPhones segue ampliando operações na China.

Segundo o jornal China Daily, a empresa fará um investimento de US$ 1,1 bilhão na província de Henan para expandir sua capacidade de fabricação.

A expectativa, diz o site do jornal, é que a receita gerada chegue a US$ 20 bilhões ao ano.

Foxconn quer unidade de cloud

A taiwanesa Foxconn, conhecida pela montagem de aparelhos da Apple como o iPone e o iPad, quer ingressar no mercado de computação na nuvem.

Segundo o site Digitimes, a empresa quer investir mais de US$ 63 milhões em cinco anos na construção de um centro em Taiwan que irá, eventualmente, empregar 3 mil engenheiros.

Os empregados se dedicarão ao desenvolvimento de programas para a própria Foxconn e cllientes.

Eike encontra CEO da Apple no Vale do Silício

O empresário Eike Batista, do Grupo EBX, informou na terça-feira, 07, por meio do perfil oficial no Twitter, que encontrou com o CEO da Apple, Tim Cook, durante visita ao Vale do Silício, para estreitar laços com a gigante de tecnologia.

“Acabo de encontrar o Tim Cook da Apple! Adorei! Acredito que, sob sua liderança, a Apple continuará surpreendendo. Falamos sobre a montagem com a Foxconn de Apple's (sic) no Brasil para oferecer produtos a custos civilizados", tuitou o empresário.