A TecBan - Tecnologia Bancária S/A desenvolveu um projeto para diagnosticar a melhor opção de operadora de redes 3G na instalação de terminais de autoatendimento bancário (ATMs).

Hoje, a disponibilidade da rede 3G está acima de 99,5%. E em relação ao link físico, o móvel é 70% mais barato.

Batizada como Benchmarking 3G, a solução é composta por um conjunto de ferramentas, técnicas e processos de gestão, desenvolvidos para a medição da qualidade do sinal das operadoras de telefonia móvel.

Na prática, no momento da prospecção de pontos de instalação de ATMs, os técnicos da TecBan testarão os sinais 3G disponíveis.

Os dados são enviados para uma base que processa as medições e traduz no melhor par de operadoras para este ponto específico, sendo possível acessar as informações por uma página Web.

Segundo o gerente de Tecnologia e Telecom da TecBan, Fábio Napoli, um dos objetivos é diminuir o índice de dificuldades no desempenho do 3G nas ATMs do Banco24Horas e ATMManager.

“No processo anterior de envio de modems 3G, que usava as informações fornecidas pelas operadoras, grande parte dos ATM’s instalados nos estabelecimentos comerciais permaneciam desligados por falta de comunicação lógica, causando diversos transtornos, entre eles a perda de receita”, complementa Napoli.

O Projeto Benchmaking foi desenvolvido pelo time de Telecom da TecBan em conjunto com a Empresa MyBusiness, especializada em analise de rede das operadoras 3G, durante um período de 4 meses e foi implantado em Janeiro de 2011.