Tamanho da fonte: -A+A

O fotógrafo Mirco Wilhelm teve 3,4 mil fotografias postadas ao longo de cinco anos no site Flickr apagadas depois que a sua conta foi excluída pelo site.

Segundo o site The New York Observer, o usuário teve o cadastro deletado após de ter contatado a equipe de suporte do Flickr denunciando uma outra conta que, supostamente, utilizaria fotografias roubadas.

Em e-mail enviado a Wilhelm, a administração admitiu que foi um engano.

“Infelizmente, nós confundimos as contas e apagamos a sua acidentalmente”, comentou o serviço de atendimento do portal.

Após descobrir a falha, o site se ofereceu a restaurar a conta – sem as fotos publicadas – dizendo que lhe daria como indenização um total de quatro anos de serviços do Flickr Pro Service (no valor de US$ 100).

"Eles queriam me devolver uma conta vazia, sem tudo o que eu colecionei durante cinco anos”, indignou-se Wilhelm.

Felizmente, o usuário não utilizava apenas o Flickr como meio de armazenamento de fotos e, por isso, tinha todos os arquivos originais salvos em outro lugar.

Após mobilização por parte da equipe do site, as imagens foram, aparentemente, recuperadas, comenta o Observer.