Pesquisa da consultoria eCMetrics indica que apenas 16% dos internautas brasileiros produzem conteúdos para redes sociais.

Segundo o estudo, o uso mais comum das redes sociais é o de observar e cultivar contatos, ação praticada por 36% dos brasileiros em sites de relacionamento.

A pesquisa ainda aponta que apenas 26% dos brasileiros com perfis em redes sociais são consumidores on-line e participam ativamente de ações de marketing em mídias sociais, seja como consumidor ou como criador.

Outros 22% são os usuários que criticam ou reproduzem conteúdo obtido por meio de sites de relacionamentos.

O grupo mais ativo nas redes sociais é o das mulheres, de todas as classes sociais, que têm entre 18 e 24 anos, ao passo que os homens, também de todas as classes, que têm entre 18 e 34 anos consomem apenas informações relacionadas às suas necessidades.