Tamanho da fonte: -A+A

A DM9DDB terá sócios locais minoritários, podendo ser tanto executivos como projetos locais, para a recém-inaugurada DM9Sul, operação local da agência de propaganda em Porto Alegre em fase de montagem.

A revelação foi feita pelo presidente da DM9DDB, Sérgio Valente, ao site Meio e Mensagem. O executivo disse ao site paulista que as negociações ainda estão em curso.  

A declaração de Valente reacende as especulações no Rio Grande do Sul sobre quem serão os sócios da DM9Sul.

Entre os boatos que já circularam estavam a saída de Roberto Callage da DCS para unir-se à nova agência.

Os rumores, que foram negados pelo publicitário em nota enviada ao site do jornalista Políbio Braga, são reforçados pelo fato de Márcio, filho de Callage, ser gerente de marketing da Olympikus, uma das marcas mais fortes da Azaléia.

A fabricante de calçados era uma das maiores contas da DCS e foi levada pela DM9Sul. Os paulistas também estão na disputa com Globalcom e Paim pela conta do Shopping Iguatemi, outro ex-cliente da DCS.

Como ainda não está presente em Porto Alegre, a DM9Sul concorre pela conta do Iguatemi em parceria com a Boca Comunicação, uma agência de marketing de guerrilha formada por ex-colaboradores da DCS.

Antes do anúncio oficial da DM9Sul, rumores chegaram a afirmar que a DM9DDB estaria comprando a Boca.

A DM9DDB é controlada pela rede DDB, do grupo Omnicom, que tem 60% do negócio. Os outros 40% são do Grupo ABC, de Nizan Guanaes, Guga Valente, Bazinho Ferras e Sérgio Valente, com participações dos investidores Icatu e Gávea.

O acordo entre os grupos nacional e multinacional ainda deu à DDB participações minoritárias em outras duas agências do ABC: 15% da Africa e 10% da Loducca.