Tamanho da fonte: -A+A

Pelo terceiro trimestre consecutivo, o Brasil é o segundo país mais otimista quanto a contratações de funcionários entre 36 países pesquisados.

Já nas Américas, o país é o primeiro do ranking, com expectativa líquida de emprego de 38%, sete pontos acima do último trimestre, seguido pelo Peru e pela Costa Rica (23% cada), Argentina (18%), Colômbia (16%) e Panamá (15%).

Os dados são do Employment Outlook Surveyum, estudo realizado pela empresa de recursos humanos Manpower, que avaliou a intenção de contratação de mais de 61 mil empresas para o segundo trimestre de 2010. No Brasil, quase mil empregadores foram ouvidos.

A pesquisa ainda apontou que os empregadores dos setores de Finanças, Seguros e Imobiliário são os mais otimistas quanto ao aumento de postos de trabalho no Brasil, com uma expectativa líquida de emprego de 49%, seis pontos percentuais acima do primeiro trimestre do ano.

Já no setor de Administração Pública/Educação, o índice ficou em 48%, contra 19% no último período, enquanto que o setor de Construção, o mais otimista nos primeiros três meses do ano, permaneceu estável, em 45%.

Outros empregadores também apontaram melhoras na expectativa de abertura de vagas, como o setor de Serviços (de 40% para 44%), seguido da Indústria (de 22% para 36%), Comércio (de 31% para 34%), Transportes e Serviços Públicos (de 31% para 33%) e Agricultura, Pesca e Mineração (de 13% para 23%).

Os resultados completos da pesquisa, além dos comparativos regionais, podem ser encontrados no link relacionado abaixo.