Tamanho da fonte: -A+A

Levantamento da Brasscom indica a falta de 45 mil profissionais de TI no Brasil até 2014.

O apagão, que afetará as principais regiões do Brasil, se dá em função das baixas nos cursos do setor, como programação ou análise de sistemas, indica matéria da Folha de S. Paulo publicada nessa quarta-feira, 19.

De acordo com a Brasscom, dos 174.161 matriculados nas principais carreiras, 87% abandonam os cursos.

“Além do conhecido deficit de engenheiros, faltam profissionais até para escrever código. O setor vive uma situação crítica”, afirmou Sérgio Sgobbi, diretor de educação da Brasscom, ao jornal.

Os profissionais mais procurados pelas empresas atualmente são os analistas de desenvolvimento de sistemas, os analistas de suporte e também os programadores.  cenário deve piorar até 2014, quando serão formados 33.625 trabalhadores em tecnologia, ante 78.530 vagas abertas.

Os estados avaliados pela pequisa da entidade foram Bahia, Distrito Federal, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e São Paulo.

Leia a matéria completa da Folha de S. Paulo (para assinantes) nos links relacionados abaixo.