Gol Linhas Aéreas deve estar trocando de CIO

Tamanho da fonte: -A+A

Marcos Caldas não é mais o CIO da Gol Linhas Aéreas. A informação é de fontes próximas à companhia aérea ouvidas pelo Baguete Diário e foi confirmada pela empresa por meio da sua assessoria.

 
Caldas assumiu a posição em junho de 2008, vindo da Sadia, onde estava desde 2005. Antes, o executivo atuou por 17 anos na Alcoa.
 
O profissional é formado em engenharia civil, administração, tem MBA na área administrativa e de finanças e, em 2004, participou de um curso de Advantage Management Program no exterior.
 
Um dos projetos divulgados durante a gestão do executivo foi a modernização de TI nos 48 aeroportos nacionais onde a Gol base e em mais três escritórios localizados em São Paulo.
 
O trabalho ficou a cargo da CPM Braxis Capgemini, que fez a substituição de todas as estações de trabalho e servidores utilizados nestas estruturas, além de homogeneizar o ambiente virtual, que antes era diversificado.
 
Em dez meses de trabalho, foram substituídos os sistemas operacionais e aplicativos de escritórios existentes, como Windows XP e Microsoft Office 2007, pelas versões do Windows 7 e Microsoft Office 2010, em mais de 3,5 mil estações de trabalho.