Para integração de sistemas entre os dois bancos, a equipe de TI do Itaú Unibanco trabalhou mais de três milhões de horas ao longo de dois anos.

Tamanho da fonte: -A+A

O Itaú-Unibanco acaba de concluir a integração de toda a base de clientes, com a migração de mais de 1,2 mil pontos de atendimento do Unibanco, adquirido pelo outro banco há pouco mais de um ano, em todo o país.

O trabalho foi realizado em seis meses, com cerca de 500 obras simultâneas/mês. A operação mobilizou mais de 650 fornecedores e, na área de TI, consumiu mais de três milhões de horas de desenvolvimento de sistemas.

Os centros de processamentos de dados foram integrados e hoje apresentam capacidade de processamento 65% maior.

Com a integração, o novo banco registra valor de mercado de R$ 193,3 bilhões, 79% a mais que em dezembro de 2008, quando da realização da compra.

Com isso, o Itaú Unibanco figura como 10º maior banco do mundo, com 40 milhões de clientes.