Tamanho da fonte: -A+A

A Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) estima que o processo de check-in ficará 20% mais rápido com a adoção do mecanismo de compartilhamento de balcões das companhias aéreas.

Nesta segunda-feira, 28, o Diário Oficial apresenta a resolução que permite aos operadores de aeroportos determinar o compartilhamento de balcões de check-in.

"Com o check-in compartilhado, as empresas vão ter de dividir os balcões ociosos. Serão menos balcões lentos e menos filas para os usuários", disse Marcelo Pacheco dos Guaranys, diretor da Anac.

Conforme publicação do Estadão, Guaranys explicou que caberá ao operador do aeroporto determinar o compartilhamento e elaborar, junto com as empresas, um plano para essa ação.

A ANAC projeta o início da modalidade de serviço ainda para este ano.