Allan Pires, o CEO da Targit Brasil

A dinamarquesa Targit aposta no canal para crescer no Brasil: com investimento inicial de US$ 500 mil, a companhia projeta cadastrar, em dois anos, cerca de dez parceiros para venda e implantação de sua solução de BI, gerando receita de US$ 2 milhões no país.

Com unidade no país, em São Paulo, desde setembro de 2010, a empresa projeta conqusitar, este ano, 50 novos clientes locais, triplicando este número até o final de 2012.

"Vamos desenvolver uma cadeia de revendedores e implementadores do Targit BI Suite", ressalta Allan Pires, CEO da Targit Brasil. “O objetivo é que a maioria dos negócios sejam realizados de forma indireta, mas o mercado ainda não está completo, então atuaremos como distribuidor master junto aos canais e a equipe direta cuidará de contas globais no Brasil, como DaimlerChrysler, John Deere, Sony Music e Starbucks”, complementa.

Até agora, dois canais já entraram para a carteira local, um deles a PC Sistemas, que vai vender o BI da Targit integrado à sua tecnologia, hoje usada por 40% das 50 maiores empresas atacadistas distribuidoras do país, segundo o ranking ABAD/Nielsen 2010.

Outro canal é a Siagri Sistemas de Gestão, que atende a clientes de 264 cidades brasileiras, com foco no agronegócio.

“A Siagri fomentará nosso BI em segmentos como revendas de insumos agrícolas, lojas agropecuárias e concessionárias de máquinas”, ressalta Pires.

Focada nas regiões Sul, Sudeste, Nordeste e Norte, a estratégia dos dinamarqueses vai partir, depois do Brasil, para outros países da América Latina.

“Em um segundo momento, nossa meta será estabelecer alianças em países como Chile, Colômbia e Panamá”, conta o CEO.

Atualmente, a Targit possui 230 canais na operação global, que emprega também mais de 400 colaboradores diretos.

Este ano, a projeção da companhia para o negócio geral é obter crescimento de 20%.

Já até 2015 o plano é ultrapassar a marca de 1,5 milhão de usuários de seu BI, número que hoje fica na casa dos 247 mil, em uma carteira formada por 3.579 clientes.