A Deloitte Brasil aproveitou o Oracle Open World, que começou nesta terça-feira 06, em São Paulo, para lançar no Brasil a oferta da metodologia Enterprise Value Delivery para implantações de Oracle JD Edwards EnterpriseOne e JD Edwards Enterprise World.

A promessa do modelo, resumido na sigla EVD, é oferecer aceleradores para as implantações, com base na dedicação de equipes multidisciplinares, com profissionais dedicados a cada área envolvida nos processos.

A metodologia já é usada em implementações Oracle de ERP, CRM, EPM, BI, middleware, ISVs e sistemas legados de mercados como Europa, EUA e Ásia.

“A EVD trabalha com ferramentas de gestão de projetos, de business case, de documentação, modelagem de processos, testes e treinamento”, explica Emílio Kawate, gerente sênior de Soluções e Delivery da Deloitte Brasil.

Segundo ele, os times multidisciplinares destacados para os projetos incluem profissionais dedicados a gerenciamento de projeto, qualidade, processos/aplicações, gestão de mudanças organizacionais e da informação, segurança e controles, desenvolvimento, tecnologia, valor, impostos e implantação em si.

Gláucia Civa cobre o Oracle Open World - Java One 2011 a convite da Oracle.