Tecnoset: R$ 3 mi no 1º ano de BPO

09/02/2012 15:41

A unidade de BPO Document Solutions da Tecnoset, criada em 2011, completou seu primeiro ano com faturamento de R$ 3 milhões e clientes como Unimed, MetLife, Alliance e Marfrig, entre outros.

Com investimento de cerca de R$ 2 milhões em treinamento, infraestrutura e software, a divisão foi aberta com escritório em Campinas.

O portfólio inclui soluções de gestão documental, ECM, GED e impressão.

Tamanho da fonte: -A+A

A unidade de BPO Document Solutions da Tecnoset, criada em 2011, completou seu primeiro ano com faturamento de R$ 3 milhões e clientes como Unimed, MetLife, Alliance e Marfrig, entre outros.

Com investimento de cerca de R$ 2 milhões em treinamento, infraestrutura e software, a divisão foi aberta com escritório em Campinas.

O portfólio inclui soluções de gestão documental, ECM, GED e impressão.

Conforme Marcel Santos, diretor da unidade de BPO, este ano serão investidos novos R$ 2 milhões na operação.

“Vamos investir em lançamentos, como o de uma plataforma de serviços de captura de documentos, desenvolvida internamente”, afirma o executivo.

A ferramenta já está em teste em alguns clientes, com meta de chegar ao mercado ainda no primeiro semestre.

O diretor da Tecnoset, Paulo Schimenes, explica que a consolidação da unidade BPO é peça fundamental da estratégia de crescimento da empresa, que em 2011 faturou R$ 100 milhões e para este ano projeta crescimento de 20%.

Além do BPO, a companhia também mantém unidades de Printing Services e Networking & Security.

Com sede em São Paulo, possui filiais em Campinas, Fortaleza e Recife, empregando mais de 370 colaboradores.
 

Veja também

Tecnoset: cresce 22% para R$ 100 mi

A Tecnoset, especializada em soluções de BPO de gestão documental, networking e segurança digital, cresceu 22% em 2011, faturando R$ 100 milhões.

Tecnoset quer faturar R$ 110 mi em 2011

A Tecnoset, empresa brasileira de TI que integra soluções de BPO de gestão documental, networking e segurança digital, fechou 2010 com crescimento de 82 % em relação a 2009.

O resultado leva a empresa a projetar a marca de R$ 110 milhões para 2011.

“Este valor deve vir principalmente das áreas de Governo e Networking & Security”, conclui Paulo Schimenes, diretor da Tecnoset.

Segundo a companhia, o setor governamental teve elevação de 172%.

Tecnoset: R$ 10 mi em impressão para UFSC

A Tecnoset, empresa de São Paulo que integra soluções de BPO de gestão documental, networking e segurança digital, venceu a ata de registro de preços para prestação de serviços de outsourcing de impressão para a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

Cybelar terceiriza impressões com Tecnoset

A Cybelar, rede com 86 lojas do segmento de móveis e eletrodomésticos, terceirizou seu parque de impressão com a Tecnoset, especializada em BPO de gestão documental, networking e segurança digital.

Segundo Maria do Carmo R. Lopes do Prado, gerente de TI da Cybelar, a contratação do serviço se deu em função do crescimento das unidades da rede.

Tecnoset vence ata de preços Cisco

A Tecnoset, especializada em soluções de BPO de gestão documental, networking e segurança digital, venceu o pregão eletrônico para Registro de Preços de ativos de rede promovido pela Sabesp.

A companhia, que concorreu com outras 12 empresas, assinou o contrato de R$ 2,55 milhões para fornecimento de equipamentos de infraestrutura de rede da Cisco.

São 456 unidades de diversos modelos da família Catalyst 2960 e 228 Access Points.

Tecnoset tem ata de preços de impressão

A paulista Tecnoset obteve uma  ata de registro de preços para prestação de serviços especializados de impressão após vencer um pregão eletrônico na prefeitura de  Jundiaí em agosto.

O projeto prevê o fornecimento de 425 equipamentos Lexmark para atender a um volume aproximado de 2 milhões de páginas ao mês ao custo de R$ 159 mil.

Tecnoset leva pregão de R$ 3,6 mi do TRF 3 SP
A Tecnoset IT Solutions venceu uma licitação para registro de preços do Tribunal Regional Federal da 3ª Região de São Paulo que prevê o fornecimento de até 50 switches Cisco Catalyst 3750E, 24 portas 10/100/1000, e 200 swithces Cisco Catalyst 2960, 48 portas 10/100/1000.

A licitação soma quase R$ 3,6 milhões.
Accenture compra Zenta: BPO para hipoteca

A Accenture, especializada em consultoria, tecnologia e outsourcing, comprou a Zenta, focada em serviços de processamento de hipotecas comerciais e residenciais nos EUA.

Sediada em Dallas, a Zenta está entre as três principais fornecedoras de seu setor no país, garante Henry Hortenstine, CEO da empresa.

“Atendemos aos maiores bancos do país”, destaca o executivo, que, assim como os cerca de 3,7 mil funcionários da Zenta nos EUA, Índia e Filipinas, passam a integrar o quadro da Accenture.

AeC: SC, RS e BPO para chegar aos R$ 270 mi

A AeC, de Belo Horizonte, aposta na unidade de BPO, criada no final de 2010, para responder por R$ 55 milhões dos R$ 370 milhões que a companhia projeta como faturamento geral para 2011.

A projeção se baseia nos resultados já trazidos pela unidade: foram 15 novos contratos no primeiro semestre deste ano, com força da região Sul, onde uma das mais recentes implantações está em andamento no Hospital Marieta Konder Bornhausen, de Itajaí.

Brasscom traça cenário de TI-BPO no Brasil

O Brasil é o 7º maior mercado interno de TIC do mundo, com faturamento de US$ 165,7 bilhões em 2010 – equivalente a 8% do PIB nacional – e previsão de subir duas posições no ranking global até 2022.

O dado consta na segunda edição do Brasil TI-BPO Book, publicação da Brasscom  que avalia o setor no país nos cenários de 2010 e 2011.

Algar faz BPO com Capgemini

A Capgemini Brasil acaba de assinar um contrato de outsourcing de processos de negócios de 13 anos com a Algar Agro e Algar Services, duas empresas do grupo Algar.

Não foram revelados valores do acordo, que segundo nota da companhia é o maior já assinado pela divisão de BPO da multinacional francesa.

TCI BPO fatura R$ 224 mi e mira Índia

A TCI BPO faturou R$ 224 milhões em 2010, com Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) de R$ 63 milhões, alta de 11% sobre 2009.

Para este ano, a companhia projeta uma receita de R$ 300 milhões.

No ano passado, a TCI BPO também se expandiu fisicamente: a empresa abriu cinco novas filiais, em Minas Gerais, Maranhão, Rio Grande do Norte, Ceará e Alagoas.