A Fortinet, provedora de segurança de rede e gerenciamento unificado de ameaças (UTM), encerrou o ano de 2011 com receita de US$ 433,6 milhões, aumento de 34% sobre 2010.

O faturamento no ano ficou em US$ 475,8 milhões, alta de 27% sobre 2010, e o lucro líquido GAAP chegou a US$ 62,5 milhões, com base em uma taxa de 32% de imposto para o ano.

Isso se compara a receita líquida GAAP de US$ 41,2 milhões para o ano fiscal de 2010, com base em uma taxa fiscal de 27%.

Só no quarto trimestre de 2011, a receita da Fortinet foi de US$ 120,9 milhões, uma alta de 29% sobre o mesmo período de 2010.

No 4T11, o faturamento geral da companhia foi de US$ 140,6 milhões, crescimento anual de 27%, enquanto o lucro líquido GAAP e EPS ficou em US$ 16,5 milhões, com base em taxa fiscal de 40%.

Dentro da receita total, a receita da área de produtos somou US$ 57,5 milhões, aumento de 40% em relação ao quarto trimestre de 2010.

Já com serviços, os ganhos chegaram a US$ 61,1 milhões, alta de 27% ano/ano.

Com sede em Sunnyvale, na Califórnia, a Fortinet oferece soluções que vão desde endpoints até perímetros e principais áreas, incluindo databases e aplicações.