http://www.flickr.com/photos/26088600@N08/2751474086/sizes/z/in/photostream/

A Copel investiu R$ 80 milhões em TI, dentro de um projeto dividido entre dois consórcios: um focado em ERP, no qual participaram as empresas SAP, Ingram Micro, Core Technologies e CSC e outro focado em billing, com a participação da Elucid e Ação Informática.

Ambas iniciativas usarão software de banco de dados, servidores e storages IBM. O novo ambiente de TI permitirá à Copel atender às normas e padrões exigidos pela Aneel para as quase 70 mil novas ligações de luz que realiza por ano.

O projeto contemplou a implementação de servidores IBM Power 570, sistemas de armazenamento em disco IBM DS 5100 e software de banco de dados IBM DB2, que oferece maior integração ao ERP da SAP, reduzindo os custos associados. Toda a infra é redudante.

Estudos do TPC demonstram que o IBM DB2 diminui em até 50% os custos com armazenamento de dados e em até 30% as despesas com gerenciamento de dados se comparado ao Oracle Database.                

O projeto foi desenvolvido já prevendo um crescimento de 50% na infraestrutura de TI ao longo dos cinco anos de ciclo de vida do contrato.