Proporção de risco com softwares MS é quatro vezes menor

Tamanho da fonte: -A+A

Relatório da empresa de segurança Secunia indica que os programas para computador da Microsoft são mais seguros que os produtos de outros fabricantes.

A proporção de risco é quatro vezes maior quando o logo da MS não está no software.

Segundo a Secunia, o número de vulnerabilidades em softwares tradicionais subiu 71% entre 2009 e 2010.

Os principais culpados foram os aplicativos de terceiros e não o Windows ou outras aplicações da Microsoft, declarou Stefan Frei, diretor de análise de pesquisa da Secunia.

“O Windows e o outros aplicativos da companhia já estiveram listados entre as principais ameaças. Mas isso mudou”, acrescenta Frei, segundo o IDG Now.

Para compor o relatório, a Secunia usou dados do Personal Software Inspector (PSI), que vasculha 3 milhões de computadores e verifica a atualidade dos patches de segurança nas aplicações.

Segundo o estudo, dos 50 softwares mais comuns, 26 eram da Microsoft e 24 de 14 empresas terceiras diferentes. Entretanto, em 2010, os usuários estiveram cerca de quatro vezes mais vulneráveis ao usar produtos de outros fabricantes que os da Microsoft.