A Certisign, focada em certificação digital, fechou 2009 com faturamento de R$ 57 milhões. Para este ano, a meta é alcançar os R$ 100 milhões, além de aumentar a capilaridade de parceiros, atingindo mil postos de atendimento em todo o Brasil – atualmente, são 403.

Conforme José Luiz Poço, presidente da Certisign, os negócios da companhia têm gerado, ao ano, aproximadamente 65% de crescimento desde 2003.

“A partir de 2014, mais de 20 mil cartórios darão um novo impulso ao mercado de certificação digital, uma vez que terão de ser 100% digitais, atendendo à legislação brasileira”, aposta o executivo.

Para o presidente, a tecnologia de certificados digitais não tem por objetivo atender somente às obrigatoriedades legais, mas principalmente trazer benefícios para as empresas e instituições.

“Estes benefícios vão desde a facilidade de comunicação com os órgãos federais, à redução de custos operacionais, ganhos de agilidade e de tempo”, comenta Poço.