Tamanho da fonte: -A+A

A CPFL Energia, maior companhia privada do setor elétrico brasileiro, com 19 Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCHs) e uma termelétrica, todas localizadas no estado de São Paulo, adotou o software Elipse E3, da porto-alegrense Elipse Software, para auxiliar os profissionais do Centro de Operação da Geração (COG) no controle de 17 PCHs.

As centrais controladas pelo software gaúcho são as de Americana, Buritis, Pinhal, Chibarro, Capão Preto, Dourados, Eloy Chaves, Esmeril, Jaguari, São Joaquim, Lençóis, Monjolinho, Santana, Salto Grande, Socorro, Três Saltos e Gavião Peixoto.

Através de uma série de telas, o E3 permite que os operadores do COG monitorem todas as etapas e equipamentos envolvidos na geração de energia sem precisar se dirigir até as usinas.

É possível monitorar, por exemplo, a etapa de captação de água dos rios para o interior das câmaras de carga das usinas; a conversão da energia hídrica e gravitacional em mecânica e a abertura e fechamento das válvulas responsáveis por proteger e bloquear a vazão da água em direção às turbinas.

A solução também permite supervisionar as unidades geradoras das PCHs. Através de uma única tela, é possível visualizar os valores atuais de potência ativa e reativa, tensão, corrente elétrica e frequência.

Já o diagrama unifilar, representação simplificada de um sistema elétrico, também é exibido em uma das telas do Elipse E3. Através dele, é possível visualizar todas as interligações existentes entre os diferentes disjuntores, chaves, transformadores, enfim, dispositivos envolvidos na geração de energia elétrica.