Foto: Divulgação

Tamanho da fonte: -A+A

A Logica apresentou um crescimento de 3% na sua receita em 2011, chegando a £ 3.9 bilhões.

Segundo a empresa, o resultado foi impulsionado por um crescimento de 13% nos pedidos, que chegaram ao valor de £ 4.6 bilhões, com destaque para o outsourcing, com alta de 23% na demanda.

Na avaliação do CEO da Logica, Andy Green, o crescimento, apesar de fraco, foi bom, dados os problemas causados pela crise na Europa, onde o PIB recuou 0,3% no ano passado.

“Apesar de 2011 ter sido um ano de dificuldades, conseguimos crescer graças ao bom relacionamento e a confiança de nossos clientes”, disse Andy Green, CEO da Logica.

Para 2012, o executivo acredita que a margem operacional será acima de 6,5%.

Entre os destaques do ano que ajudaram a manter o crescimento no positivo, Green destaca projetos de peso como a BAE Systems e Swedish Pensions Agency, além da renovação de pedidos de clientes como Shell e Michelin.