O Grupo ASSA fechou o ano com um faturamento de R$ 85 milhões no Brasil, uma alta de 38% frente aos resultados de 2010 no país.
 
A receita brasileira corresponde a um pouco menos da metade do faturamento da companhia argentina, que no total teve US$ 82 milhões faturados – um crescimento geral de 42% ano a ano.
 
O Brasil é a maior fonte de negócios da empresa, cuja meta para 2012 fica na casa dos 28%, chegando a US$ 105 milhões.
 
“Vamos continuar com nosso plano de expansão, em busca da abertura de novos delivery centers, para estarmos mais próximos de nossos clientes em todo o mundo”, aponta o CEO do Grupo ASSA, Roberto Wagmaister, destacando que o crescimento médio apontado por analistas para o mercado de TI ficava em 11%.
 
“A companhia  demonstrou seu conhecimento e inovação nas indústrias de Varejo, Bens de Consumo, Healthcare, Recursos Naturais e Serviços Financeiros. Destas verticais, três estão no Brasil, que é hoje a maior operação do Grupo ASSA como um todo”, destaca.
 
O Grupo ASSA hoje atende 54 mil usuários finais de SAP e Oracle J.D. Edwards nos cinco continentes, através de  oito escritórios na Argentina, México e Brasil, além de representações nos Estados Unidos e Europa. São 1,2 mil empregados.