Tamanho da fonte: -A+A

Com tecnologia da IntelCav, o Setut - Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros de Teresina e a administradora de cartões CrediShop iniciaram um projeto de bilhetagem eletrônica pra os ônibus da capital piauiense.

Com fábrica na cidade gaúcha de Getúlio Vargas, a IntelCav já produziu 50 mil cartões com dupla tecnologia para os usuários de ônibus da cidade.

Além da função de bilhetagem, as soluções também contam com tarja magnética para o uso como cartão de crédito no pagamento das compras feitas em estabelecimentos comerciais.

A meta do projeto é chegar, até maio de 2011, a 150 mil smart cards, o suficiente para substituir toda a base de cartões de vale transporte hoje usada na capital.

De acordo com o gerente geral do Setut, Fabio Prado, a emissão dos cartões é requisitada junto ao Setut pelas empresas participantes do sistema de vale transporte. Ao receber o plástico, o usuário tem a opção de realizar ou não o desbloqueio da função crédito.

Se optar pelo desbloqueio, terá o pedido analisado pelos critérios de analise de risco da CrediShop.

“Cerca de 50% das pessoas que receberam os cartões com esta possibilidade já realizaram o desbloqueio”, afirma Prado.