João Cox

A Claro informou em comunicado nesta terça-feira, 17, que João Cox deixou a presidência da operadora, após quatro anos no cargo.

A partir da segunda-feira, 30, o novo presidente da empresa será Carlos Zenteno, que comanda as operações da Claro Argentina, Uruguai e Paraguai há seis anos.

"Agradeço a confiança que me foi depositada pelo acionista e a dedicação de todos os profissionais com quem convivi na Claro, sem os quais não teríamos conseguido o crescimento sem igual da base de clientes da operadora no período”, afirma Cox, no comunicado. “Saio com a convicção de que o Zenteno encontrará na Claro todas as condições para seguir a trajetória de sucesso experimentada no Brasil", acrescenta.

O motivo do desligamento do executivo e seu novo destino não foram divulgados.