Processo contra Tanure bloqueia ações da TIM

20/05/2011 09:43

A justiça da 26º Vara do Trabalho bloqueou 10,4% das ações da TIM que pertencem a JVCO, companhia do empresário Nelson Tanure que restou na cadeia societária da operadora após a incorporação da Intelig.

O bloqueio é o mais recente capítulo da novela sobre o processo que os ex-funcionários da Gazeta Mercantil movem contra Tanure, acusando-o do não pagamento de supostas dívidas trabalhistas.

Tamanho da fonte: -A+A

A justiça da 26º Vara do Trabalho bloqueou 10,4% das ações da TIM que pertencem a JVCO, companhia do empresário Nelson Tanure que restou na cadeia societária da operadora após a incorporação da Intelig.

O bloqueio é o mais recente capítulo da novela sobre o processo que os ex-funcionários da Gazeta Mercantil movem contra Tanure, acusando-o do não pagamento de supostas dívidas trabalhistas.

Conforme o advogado dos ex-colaboradores, Wladmir Durães, a TIM já recebeu ofício da decisão.

Agora, o próximo passo da operadora será apresentar documentos que mostrem quais são as ações de Tanure, evitando que possam ser negociadas, o que poderia prejudicar a negociação com os moventes do processo.

O pedido de bloqueio dos advogados dos ex-funcionários da Gazeta aconteceu porque, segundo o acordo de acionistas entre TIM e JVCO, depois de dois anos a empresa de Tanure poderia dispor dos papeis.

Conforme Durães, a Justiça do Trabalho poderá decidir “a qualquer momento a liberação de recursos da ordem de R$ 150 milhões”, informa o Teletime.

Até agora, entretanto, o Tribunal Regional do Trabalho da 2º Região julga um mandado de segurança dos advogados da Gazeta para garantir que as ações que JVCO tem na TIM não sejam trocadas por outras garantias, mas não há previsão de decisão.

Segundo Durães, até agora quatro desembargadores estão acompanhando o relator e votando contra o empresário, mas faltam três votos.
 

Veja também

TIM é 1ª brasileira de Telecom no Novo Mercado

A TIM Participações acaba de se tornar a primeira empresa brasileira de telecomunicações a entrar no Novo Mercado da BM&FBovespa.

Com a migração, enviada para apreciação da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), todas as ações preferenciais da companhia serão convertidas em ações ordinárias.

TIM quadruplica lucro e soma R$ 213,5 mi

O lucro líquido da TIM quadruplicou no primeiro trimestre de 2011, em relação ao mesmo período do ano passado, chegando a R$ 213,5 milhões (alta exata de 291%).

A receita bruta total da operadora cresceu 17,3% ano a ano, chegando a R$ 5,4 bilhões, enquanto a receita líquida foi de R$ 3,8 bilhões, alta anual de 13,8%.

A receita líquida de serviços subiu 9% ano/ano, totalizando R$ 3,46 bilhões.

Intelig e TIM anunciam integração

A integração da marca Intelig com a TIM será comunicada a partir do próximo domingo, 02, através de uma campanha nacional assinada pela W/McCann.

Segundo Antonino Ruggiero, próximo presidente da Intelig, a união das marcas permite a entrada de maneira ainda mais expressiva na competição pelos mercados de tefonia fixa, longa distância e transmissão de dados.

TIM lança rede social só para clientes

A TIM lança uma rede social exclusiva para seus clientes, a TIM Social Box.

A rede, desenvolvida pelo escritório brasileiro da italiana Kiui, especializada em aplicativos para mobile e internet, funciona como um agregador de comunidades.

Ou seja: o assinante TIM pode atualizar o Orkut, Facebook, Twitter, YouTube e Flicker de uma só vez, no celular, por meio da plataforma unificada da nova rede.

Multada em R$ 1 mi, TIM tenta conciliação em SC

O diretor Comercial da TIM, Alexandre Ratacheski, se reuniu na quarta-feira, 20, com o diretor do Procon de Florianópolis, Tiago Alves, para apresentar um projeto de remodelação de atendimento em lojas próprias da operadora na capital catarinense.

TIM é multada em R$ 1 mi em Florianópolis

A operadora TIM foi multada em R$ 1 milhão pelo Procon de Florianópolis, informa o site do jornal Diário Catarinense.

Conforme a matéria, a punição foi aplicada por descumprimento de uma determinação que impede as lojas da empresa de venderem produtos até a próxima quarta-feira, 20, na cidade. O flagrante na venda teria ocorrido menos de três horas depois de a operadora ser informada.

Uma loja no centro da cidade foi a responsável pela multa, relata o site.

TIM lança planos exclusivos para PMEs

A TIM está lançando três serviços Business Class direcionados ao mercado das pequenas e médias empresas, para suprir as necessidades de conectividade do segmento.

Os planos oferecidos são TIM Empresa Mundi 400, Liberty Empresa 400 e Liberty Web. Todos com serviço de voz e de dados, permitindo conexão ilimitada à internet.

Intelig vendida para Docas!
Um empresário ligado ao mercado de TI e Internet informou ao Baguete nesta terça-feira, 15, que a Intelig acaba de ser vendida. O comprador é Nelson Tanure, do Grupo Docas.

“Soube da própria Intelig”, revela a fonte do Baguete, que prefere não se identificar.
Intelig fecha em R$ 33,6 mi com Telebrás

A Intelig venceu pregão eletrônico da Telebrás para ser a principal responsável pelo provimento de enlaces de comunicação e trânsito para acesso à internet – nacional e internacional – dentro do Programa Nacional de Banda Larga (PNBL).

O contrato tem vigência de dois anos após a assinatura e seu valor é de R$ 33,6 milhões.

Intelig e Oi levam pregão da telefonia federal

Das seis empresas que participaram na disputa pelo pregão da telefonia do governo federal, que Intelig e Oi foram as vencedoras, somando R$ 42,1 milhões.

O valor representa uma economia de 36,38% do valor de referência, graças à economia de escala, usando um mesmo pregão para serviços a ministérios, unidades ligadas à Presidência da República, autarquias e fundações.

Foram seis companhias disputando o leilão.