Tamanho da fonte: -A+A

A Intelig firmou contrato com a Copel para usar a rede elétrica da empresa paranaense para a oferta de banda larga.

De acordo com informações do Valor Econômico desta sexta-feira, 21, um acordo semelhante foi assinado com a AES Eletropaulo e outros três similares devem ser anunciados em breve.

A companhia espera que essas parceria permitam a expansão de sua infraestrutura de rede em 30% por todo o país em dois anos.

Executivos da companhia não deram ao Valor estimativas sobre o número de clientes previstos para o serviço de banda larga pela rede elétrica no mercado residencial paulista.

Os testes com a AES Eletropaulo terminam em junho, com expansão prevista para outras cidades.

Internet via elétrica em POA
Desde 2006 a Procempa realiza no bairro da Restinga, em Porto Alegre testes com uma rede de acesso à Internet pela energia elétrica. Com mais de 3,5 quilômetros de extensão, a rede foi a primeira do gênero na capital e a maior em extensão do país.

A estrutura BPL é utilizada em média e baixa tensões para fins de inclusão social. Dados, imagem, voz e vídeo trafegam pela rede elétrica da CEEE, a uma velocidade de 45 megabits por segundo.