Tamanho da fonte: -A+A

A operadora TIM manteve o crescimento no mercado de telefonia móvel brasileiro, chegando a 52 milhões de assinantes em fevereiro, e aos 25,16% de market share no país, alta de 6,4% frente ao mesmo país do ano passado.

Na comparação anual, a TIM foi a única operadora com avanço no mercado.

O aumento no número de assinantes e a participação, no entanto, ainda não representou para a TIM uma mudança de posição no raking. A operadora segue como a terceira mais utilizada no Brasil.

Vivo, com 29,55% do mercado nacional, segue no topo, apresentando, porém, queda de 1,26% em sua participação na comparação com o mesmo mês de 2010. Foi o oitavo mês de perda de mercado para a operadora, que encerrou o segundo mês de 2011 com 61 milhões de clientes.

Na Claro, a queda foi de 0,11% entre os meses de fevereiro do ano passado e desse ano, com 25,47% de mercado em 2011.

Os 52.858.529 assinantes da empresa fazem da companhia o alvo principal da TIM, que tem 626.782 clientes a menos que a vice-líder no mercado de telefonia móvel do Brasil.

Já a Oi apresentou a maior queda anual, com 5,3% de perda de mercado. Em fevereiro de 2011, a empresa teve 19,47% de mercado e 40,4 milhões de clientes, segundo dados divulgados pela Anatel nessa segunda-feira, 28.